De Futebol

Flamengo advanced to the next round of the Copa Sudamericana.

Globo Esportes:”  Nada como um Palestino em tempos de crise e necessidade de afirmação. A Ilha do Urubu recebeu um visitante sob medida, ainda que o Flamengo mereça seus créditos por ter feito o que lhe cabia diante de um adversário tão frágil: um gol atrás do outro, em especial no primeiro tempo. Talvez seja pouco para tirar conclusões, em especial numa fase de transição entre um treinador demitido e outro, o colombiano Reinaldo Rueda, em vias de ser contratado.

Ao menos, os 5 a 0 serviram para melhorar o astral e para colocar o Flamengo nas oitavas de final da Copa Sul-Americana após um 10 a 2 na soma dos jogos de ida e volta. Medirá forças com a Chapecoense.

Em dez minutos, o Flamengo já vencia por 2 a 0 e amenizava algumas de suas inquietações. Afinal, para isso parecia valer, de verdade, o jogo de ontem. Vizeu marcara o primeiro gol, após ter vivido uma manhã de domingo infeliz, com chances desperdiçadas diante do Vitória. O mesmo lance, aliás, ajudou a começar a reabilitar Willian Arão, autor do chute desviado pelo centroavante. No domingo, uma rebatida errada dele resultara no gol do Vitória.

Quem também busca sua afirmação no início da passagem pelo Flamengo é Geuvânio. Encontrou terreno favorável diante do Palestino. Surgiu na área para fazer o primeiro gol e deu belo passe para Éverton Ribeiro marcar o terceiro. Pouco antes do intervalo, Arão dera mais um passo em sua reconciliação com a torcida ao fazer o quarto gol.

Curioso é que o Flamengo, diante de uma Ilha do Urubu que recebeu, de longe, seu menor público, não precisou sequer ficar mais tempo com a bola do que o Palestino. Mesmo assim, o time chileno jamais assustou. Alex Muralha foi exigido apenas numa finalização de Gutierrez.

Uma certa ansiedade cerca também o desenvolvimento de Vinícius Júnior no Flamengo. Já vendido ao Real Madrid por €45 milhões, naturalmente tornou-se opção menos habitual no time principal, já que a chegada de reforços obstruiu seu caminho. Mesmo assim, vê-lo ter grandes momentos, à altura do valor da negociação por um jogador tão jovem, mobilizava a torcida.

E também neste aspecto o jogo com o Palestino foi uma ocasião perfeita. Num segundo tempo em que o Flamengo diminuíra o ritmo, Vinícius voltou a movimentar o campo. Recebeu um passe de Éverton Ribeiro, perdeu o ângulo de chute e achou Berrío. De cabeça, o colombiano encontrou o jovem rubro-negro, que chutou de primeira para abrir o placar. Caso confirme os prognósticos de que é um craque em formação, o gol será lembrado no futuro. E os pouco mais de 5 mil que foram à Ilha terão história para contar.

Contarão, também, sobre a noite em que até Márcio Araújo ficou imune a protestos.

https://oglobo.globo.com/esportes/flamengo-goleia-palestino-avanca-na-sul-americana-21689311#ixzz4pSa2iCB8